MNU Bahia

NOTA DE SOLIDARIEDADE A MILITANTE LUDIMILA TEIXEIRA

CAPA OFICIAL NOTAS - INSTAGRAM (4)

Nós, do Movimento Negro Unificado – Bahia, expressamos nossa solidariedade à Ludimilla Teixeira, ativista e comunicadora social, que foi agredida verbal e fisicamente por um homem ainda não identificado na Câmara Municipal de Salvador. Ludimilla estava exercendo seu direito de manifestação contra o projeto de Lei nº 307/203, que trata da desafetação de 44 áreas de Salvador, quando teve seu celular quebrado em um ato covarde.

Repudiamos essa atitude machista e violenta, que tenta silenciar as vozes das mulheres que lutam por uma sociedade mais justa e democrática. Exigimos que a Câmara Municipal de Salvador disponibilize as imagens e ajude na identificação do agressor, além de se posicionar publicamente em defesa da Ludimilla e de todas as mulheres que sofreram violência política.

Racistas, machistas não passarão!
MNU BAHIA

Sobre

Movimento Negro Unificado (MNU) é uma organização pioneira na luta do Povo Negro no Brasil. Fundada no dia 18 de junho de 1978, e lançada publicamente no dia 7 de julho, deste mesmo ano, em evento nas escadarias do Teatro Municipal de São Paulo em pleno regime militar. O ato representou um marco referencial histórico na luta contra a discriminação racial no país.

Redes Sociais