MNU Bahia

Caminhada da Liberdade arrecada mais de 500 kg de alimentos em benefício de crianças com microcefalia

WhatsApp Image 2023-12-01 at 14.48.43 (1)

O Fórum de Entidades Negras da Bahia (Feneba), composto por blocos afro como Ilê Aiyê, Muzenza, Os Negōes, Malê Debalê e Okanbi além do MNU, acrescentou o tempero da solidariedade à Caminhada da Liberdade este ano ao promover uma ação em prol de famílias e crianças com microcefalia. Na troca de uma camisa, participantes do evento contribuíam com 1kg de alimento. No total, foram 550 kg de alimentos arrecadados, que serão revertidos para a ABRAÇO, uma associação com sede em Mussurunga.

A vice-presidente da ABRAÇO, Jéssica Valdinucci, comemorou o resultado da campanha e disse que a entrega dos produtos será no próximo dia 13, às 14h, em uma festa de confraternização. A associação foi fundada há sete anos para assistir vítimas de microcefalia e outras más-formações congênitas. Com a ajuda de profissionais e voluntários, promove o acolhimento, apoio social, habilitação e reabilitação de crianças cujas mães são mulheres negras em sua maioria, chefes de família e moradoras de bairros periféricos como Jardim das Margaridas, Cajazeiras e Suburbana.

O presidente do Fórum de Entidades Negras da Bahia, Raimundo Bujão, foi o idealizador da ação solidária, que contou com a anuência da diretoria. Há algum tempo ele conheceu o trabalho da ABRAÇO e resolveu colocar a pauta da saúde na 20ª Caminhada da Liberdade, realizada no Dia da Consciência Negra. “Essa é uma questão que nos aflige também, porque atinge parte significativa de mulheres negras que acabam enfrentando o drama sozinhas, sem o apoio do companheiro”.

Sobre

Movimento Negro Unificado (MNU) é uma organização pioneira na luta do Povo Negro no Brasil. Fundada no dia 18 de junho de 1978, e lançada publicamente no dia 7 de julho, deste mesmo ano, em evento nas escadarias do Teatro Municipal de São Paulo em pleno regime militar. O ato representou um marco referencial histórico na luta contra a discriminação racial no país.

Redes Sociais